.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.favorito

. Felicidade perdida (3)...

. Emocionada

. A Marta nasceu!

. Às minhas filhas

. O 20º Tratamento

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Aqui ficam os links da en...

. Felicidade perdida (4)...

.posts recentes

. FIM

. A Festa de aniversário

. 2 anos

. 7 anos

. E aos 22 meses...

. 23 Anos

. Cusco!!!!!!!!!!!

. 21 meses

. Alguns dias...

. Mais progressos...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quarta-feira, 5 de Janeiro de 2011

E um belo dia...

...pouco antes do Natal, eis que o meu B. recebe um telefonema em que dizia, e passo a citar:

 

"- Bom dia. Fala de casa do Sr. xxxxxx?

- Sim, fala.

- Já agora posso perguntar se é casado?

- Sim, sou.

- Estamos a fazer aqui na vossa localidade um rastreio totalmente gratuito ao AVC, e gostavamos de convidar o casal a participar. Não sei se está devidamente informado, mas existem muitos factores que podem contribuir para que o AVC aconteça, e a obesidade é uma delas. Nós fazemos cá testes e electrocardiograma, para vermos como está o vosso grau de risco.

- Ah! Pois...eu de facto tenho um bocadinho de peso a mais...

- Então podemos marcar uma hora para estarem aqui, mas tem que ser o casal.

- Pois, mas terei que falar com a minha esposa para ver se ela quer ir e a hora que tem mais disponivel.

- Então podemos contactar quando ela estiver.

- Sim, então podem ligar às 13h".

 

Eu chego a casa, e levo com esta conversa do meu B. dizendo-me que era importante para ele, porque tinha que perder peso e assim sempre lhe faziam uns exames de forma totalmente gratuita, e que não perdiamos nada em ir...

Ainda com o meu dia completamente preenchido lá cedi por ele, pois via o quanto estava a ser importante ouvir de profissionais os riscos que pode estar a correr.

 

Às 13h em ponto, toca de novo o telefione. Reparei que era um nº de um telemóvel. Atendi e responde-me uma Senhora a dizer que já tinha falado com o meu marido, e que era para agendarmos a hora. Eu perguntei:

 

"- Mas diga-me uma coisa: Porque é que tem que ser o casal? Eu até nem sou gorda, tenho imenso cuidado com a alimentação, não fumo, não bebo bebidas alcoólicas, nem café, porque razão tenho que ir a esse rastreio?

- Sabe que é importante todas as pessoas saberem o seu grau de risco. Pode obter muita informação, inclusivé quais os melhores alimentos a comer e os que fazem mal ao colesterol, fazemos exames, etc, etc...

- Ok. Então marque lá essa hora.

- Só um momento que vou passar ao Dr. xxxxxx.

- Boa tarde. Podemos então marcar a hora. A que hora prefere?

- Pode ser às 19h.

- Então vou dar-lhe um nº de senha xxxxxx. Quando entrar dá este nº à pessoa que a atender. Estamos no local xxxxxxx, e cá os esperamos".

 

Às 19h lá estavamos nós, num local sem qualquer identificação. Entramos para uma salinha onde estava uma Srª também à espera, mas sozinha.

Passados 30 minutos, lá fomos chamados, demos o nº da senha e entramos para um pavilhão onde constavam 4 mesas com 2 cadeiras à frente. Reparava que todas as mesas tinham pessoas a serem atendidas, e também, que não havia informação alguma sobre o rastreio.

Também nós fomos os escolhidos para nos sentarmos numa daquelas mesas.

 

Depois de muita conversa, basicamente sobre as idades, as profissões, a nossa saúde em geral, passamos a outra mesa, e lá estava mais uma Srª disponível para nos atender. Reparei também que aquele ambiente me estava a incomodar, não me perguntem porquê.

Olhei um pouco mais ao fundo e vejo vários biombos a taparem algo que não nos era visivel. Pensei que fosse o local para fazermos o electrocardiograma.

 

Mais perguntas surgiram, sobre o nosso peso, doenças de coluna, de stress e tipo de alimentação que faziamos.

Mandou levantar-nos e a dita Srª leva a mão dela a escorregar na minha coluna e diz:

 

"- Tem um desvio imenso na coluna, olhe aqui Sr. B."

O meu marido ria-se.

 

De seguida vai ele fazer o mesmo "exame", e quando eu vi o que ela fez...passava a mão fechada pela coluna e depois tentava desviar até abaixo para parecer que a coluna tinha um desvio. Também me deu vontade de rir, mas conti-me e fiquei a desconfiar de todo aquele cenário.

De seguida passamos para uma máquineta toda XPTO, tipo balança que media a nossa massa muscular. Essa acho que foi a melhor parte. Eu estava bem, mas o meu B. estava muito mal. Deu-nos o talão que saiu da máquina e voltamos a sentar nas devidas cadeiras.

Eu já estava a suspirar porque as horas estavam a passar e a minha mãe e sogra à espera do jantar.

 

No final a dita Srª diz para o meu B. que tem um plano de tratamento natural que lhe quer "oferecer".O meu marido disse que não toma nada e que não pretende tomar. Então ela apressa-se a "oferecer" mais um plano: Cardio fitness.

 

O meu marido começa a bater na minha perna por debaixo da mesa, e ambos vimos qual era a finalidade deste "rastreio" que no fundo era uma tentativa de venda de algo que muito provavelmente estaria naquela secção tapada com os biombos.

Dissemos que não estavamos interessados em tratamento algum, e que esse não foi o objectivo do convite que nos fizeram.

 

Como viram que de nós não levavam nada, num instante se despediram e nós regressamos a casa na mesma como saimos...sem exames, sem aconselhamento, sem informação alguma sobre os riscos do AVC, mas felizmente não fomos burlados como tantas outras pessoas que inconsciêntemente caiem nestas "armadilhas".

 

Bjs

Susana

publicado por sonhoterumfilho às 13:31
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.links