.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.favorito

. Felicidade perdida (3)...

. Emocionada

. A Marta nasceu!

. Às minhas filhas

. O 20º Tratamento

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Aqui ficam os links da en...

. Felicidade perdida (4)...

.posts recentes

. FIM

. A Festa de aniversário

. 2 anos

. 7 anos

. E aos 22 meses...

. 23 Anos

. Cusco!!!!!!!!!!!

. 21 meses

. Alguns dias...

. Mais progressos...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds

Sábado, 9 de Outubro de 2010

Cansada

Sinto-me cansada, e neste momento dou por mim a pensar como é que eu aguento tanta coisa.

 

No dia do meu casamento, a minha mãe caiu 4 vezes e a 4ª queda trouxe-lhe uma fractura do Fémur. Esteve um mês internada no hospital de Santa Maria, e esta foi a minha lua de mel, 30 dias a caminho do hospital com o meu pai e a minha avó a meu cargo. Ao fim desse mês de internamento e uma cirurgia pelo meio, a minha mãe vem para casa sem andar e eu estive 3 mêses com o meu B. em casa dela a tratar de todos (nessa altura não trabalhava).

 

Quando tudo parecia encaminhado, fomos então para a nossa casa, mas passados uns mêses o meu pai teve um tumor no estômago, mais uma cirurgia, (felizmente bem sucedida) mas logo após teve um AVC que embora não lhe tenha afectado nenhum membro, afectou-lhe profundamente o cérebro e parte da visão. Com este diagnóstico e sendo o meu pai uma pessoa extremamente activa, viu-se sem forças e movimentos para fazer a vida a que estava habituado, levando-o a uma depressão profundo a qual nunca o deixou, até partir. Depois do AVC ainda teve um enfarte e uma embolia pulmonar a qual lhe provocou retenção de liquidos tal que lhe retiraram 2 litros de liquido dos pulmões.

O meu pai acabou por falecer depois de 8 dias de internamento devido a problemas cardiacos.

 

A minha mãe tinha feito entretanto os 10 anos de duração da prótese que tinha na perna. Levou imenso tempo para que o hospital a chamasse e se não fosse um médico espectacular no H. V.F.Xira que se ofereceu para a operar ainda hoje estava sem andar. A minha mãe nesta altura levava uma vida de cama/sofá/sofá/cama. Era eu que lhe fazia a comida, que lhe punha a mesa, que lavava a loiça, que tratava de tudo, e a trabalhar e com a minha casa para cuidar.

 

Depois da cirurgia tudo mudou. Sentia-se bem, e começou a fazer quase tudo em casa. Depois do meu pai falecer, ela continuava cheia de energia e eu sentia-me tão bem e feliz por ver que a minha mãe apesar da idade, estava bem.

Nestes 20 anos de casamento, ainda passamos pela perda do meu sogro e do meu cunhado. Perdas irreparáveis e que deixam marcas para toda a vida (eu sempre me dei muito bem com o meu sogro), passamos por 19 tratamentos de fertilidade nos quais só um me trouxe a felicidade, e pelo meio ainda perdemos as nossas meninas.

 

Agora que tudo parecia mais calmo, sem grandes preocupações de maior, foi diagnosticada a depressão no meu B (felizmente já foi trabalhar, mas ainda está medicado) e a minha mãe que de um momento para o outro ficou com uma depressão enorme e com tremores. Ontem fui às urgências com ela e a médica diz que pode ser hipotireodismo, vai fazer análises para ver e que se não for, pode ser Parkinson. Fiquei sem chão, tenho um nó no estômago, sinto as minhas forças a irem-se abaixo, estou cansada, triste e creio que não tarda estarei eu também com uma depressão. Já estou a tomar uns comprimidos que tenho cá em casa para tomar em SOS, para ver se consigo aguentar, mas é tão dificil, ter que ter forças para mim e para dar aos outros que me rodeiam. Todos estes últimos 20 anos têm sido vividos assim, em constante sobressalto e preocupação.

 

Desculpem o desabafo, mas este meu cantinho também é para isso mesmo, afinal eu não posso estar sempre feliz, ou cheia de força.

 

bjs a todos

Susana

publicado por sonhoterumfilho às 14:03
link do post | favorito
De cate a 9 de Outubro de 2010 às 21:17
minha querida!
COmo queria que a tua vida fosse diferente... reacheada com o que mereces,, so coisas boas!!
Deixa-me abraçar-te com muita força, posso=?
Beijos muitos muitos
cate
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


Lilypie Angel and Memorial tickers Lilypie Second Birthday tickers

.links