.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.favorito

. Felicidade perdida (3)...

. Emocionada

. A Marta nasceu!

. Às minhas filhas

. O 20º Tratamento

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Aqui ficam os links da en...

. Felicidade perdida (4)...

.posts recentes

. FIM

. A Festa de aniversário

. 2 anos

. 7 anos

. E aos 22 meses...

. 23 Anos

. Cusco!!!!!!!!!!!

. 21 meses

. Alguns dias...

. Mais progressos...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds

Terça-feira, 12 de Agosto de 2008

Sem palavras

 

...sem sentido.

Minha querida amiga L., hoje choro contigo.

É nestas alturas que penso se tudo isto vale a pena...

Tens sempre a minha amizade, tu sabes.

Um grande bj cheio de coragem, neste momento de grande revolta, tristeza e dor. É o mínimo que te posso oferecer.

 

Um enorme bj também à nossa amiga de luta CatarinaV que aguarda o seu destino internada no hospital. Coragem amiga. A pergunta perssiste: PORQUÊ??

 

Susana Pina

 

publicado por sonhoterumfilho às 13:39
link do post | comentar | favorito
27 comentários:
De ana de sousa a 12 de Agosto de 2008 às 14:40
Oh meu Deus,nao me digas que esta mensagem e para a menina do blog "osonhofalamaisalto" ???

Ja la fui umas qts vezes ,ver se haviam novidades mas nada:(

Deixo aqui um grande beijinho de forca.

E miga,vale sempre,SEMPRE a pena lutar por um filho!
Um dia serao abencoadas,tenho a certeza.

Beijo muito sentido
De Maria de Paiva Ramalho a 12 de Agosto de 2008 às 15:05
Olá,
Vi a reportagem do CM. Sou mãe, sou fértil, mas antes de engravidar pensava (ou melhor meti na minha cabeça) que nunca ia conseguir ter um filho, talvez por influência da pessoa que estava comigo e que de apoio não tinha nenhum. Para mim, ter um filho era tudo. Claro que o relacionamento não deu certo e acabei por casar com um homem que desejava tanto ter um filho como eu. Fui ao médico e o mesmo disse-me que os meus ovários estavam tão duros, que se lhe desse um murro, partia a mão. Se quisese engravidar teria deixar de tomar a pilula e esperar uns bons anos. Pois eu já não a tomava e pensei, será que vou conseguir? Depois de ouvir as palavras do médico, a esperença de o conseguir era mínima. Em Novembro de 2005 a menstruação não apareceu (2 meses depois de ter ido ao médico). Fiz um teste daqueles que se compra na farmácia. O meu coração batia tanto na ansia de saber o resultado que achei que ia ter um ataque. Foi o meu marido que viu o resultado. Olhou para mim e disse não fiques triste. E eu fiquei. Tão triste que me apetecia morrer. Chorei copiosamente. Desesperei e pensei, se calhar, Deus quer assim, e se quer assim que vou eu fazer. Achei que não valia nada, fiquei sem auto-estima. Passado um mês senti-me com dores na barriga, tal como se a menstruação estivesse para aparecer e aí pensei, afinal esta porcaria está para chegar, senti-me outra vez deprimida, mas depois passou. Houve um dia (Em Dezembro) que estava a comprar qualquer coisa numa farmácia e olhei para um letreiro que dizia "Fazem-se testes de gravidez" e perguntei o que era necessário. Lá fui eu (sem contar a ninguém) com o frasquinho e passado uma hora fui lá novamente e o senhor olhou para mim e disse em tom de brincadeira "Tenho a certeza que vai ser um menino". A minha cabeça, o meu coração, o meu corpo, tudo tremia, nem sabia como voltar para o carro. Afinal já estava grávida de dois meses. O teste que tinha feito anteriormente estava errado. Foi a maior alegria, nem a sei descrever. Dar a noticia ao meu marido foi a coisa mais emocionante. A minha mãe então, parecia uma tolinha.
Pois é minhas queridas, hoje tenho um filhão (o senhor farmaceutico acertou no sexo) de três anos que é a minha luz, a minha alegria, é a minha vida.
Como sei que vocês anseiam tanto ter um filho, tenho a certeza de que isso vos irá acontecer tal como aconteceu a mim. Vão ver que quando derem por isso já o têm cá fora a fazer-vos traquinices e a por-vos o cabelo em pé.
Não desistam nunca, mas nunca, de terem um filho, não se aflijam pela idade, conheço uma senhora que foi mãe pela última vez aos 47 anos.
A minha luta não foi nada em comparação à vossa, mas sei o que é sentir quando não conseguimos. Deus há-de-vos dar essa benção tal como deu a mim. Tenho grande respeito por todas as "Susanas" deste mundo e admiro a vossa capacidade e coragem.
Não se esqueçam de uma coisa muito importante, vocês já são "mães", Perceberam, não perceberam o que eu quiz dizer? Lutadoras como vocês, já são Mães com "M" bem grande e o vosso sentimento assim o demonstra.
Sorte a todas, um beijo muito grande e que Deus vos acorde do vosso sonho com um choro de bébé a pedir de mamar.
Torço por vocês
De sonhoterumfilho a 12 de Agosto de 2008 às 16:43
Não consigo conter as lágrimas ao ler o seu comentário. Só consigo dizer OBRIGADA em nome de todos nós que lutamos por um filho.
Desejo-lhes a maior felicidade do mundo.
Um grande bj de agradecimento
Susana
De Dalila a 13 de Agosto de 2008 às 01:39
Que comentário lindo, Maria, muito emocionante. Obrigada pela força.

Para Suzana, L. e as outras companheiras de luta, meu carinho e meu apoio. Estamos todas nesta luta e os revezes são muito doloridos. Sobra apenas o carinho e o apoio das pessoas que gostam de nós e se importam conosco. No fim, basta que tenhamos alguém para nos enxugar as lágrimas, pois ninguém sabe o porquê das coisas serem assim nesse mundo...

bjs, Dalila
De ana de sousa a 12 de Agosto de 2008 às 17:10
Meu DEus!!!
Porque sera que a vida e tao injusta? POrque???

Tou com um no na garganta que nem imaginas....
Um beijo bem grande,a tua amiga....
Tou sem palavras...desculpa!

Mais uma no ceu...
De cris pedrada a 12 de Agosto de 2008 às 17:25
Dói mesmo não conhecendo a história posso sentir a dor e pergunto-me o porquê de tanto sofrimento. Que a tua amiga consiga aplacar a sua dor e manter a fé para alcançar o que tanto deseja. Adorei o relato das férias e a entrevista. Beijinhos muito grandes. Continua a ser a mulher coragem que sabemos que és e que adoro por isso.
De ana de sousa a 12 de Agosto de 2008 às 18:24
MIga,ainda ha pouco esqueci-me de dizer: Eu perdi um bebe qd estava apenas de 6semanas. TRes meses depois e,no mesmo dia,descobri que estava gravida da Sammy.

Qd estava apenas de semanas,tive umas dores HORRIVEIS e por volta das 4 da manha teve que se chamar uma ambulancia.

Fiquei internada,pois suspeitavam de uma gravidez ectopica.Tive um medico ao pe de mim que por engano (!!!!!) me ia levar para a sala de operacoes para que o bebe(sammy) me fosse retirado!

Gracas a Deus que ,apareceu uma enfermeira e me (nos) salvou!
Mas,mais uma vez,pensei que o meu sonho se estava a ir....

Escrevo isto para que digas a tua amiga para ter calma.(a q esta internada)
Tal como ela,os meus valores tb estavam a subir:)

Hoje,tenho a minha loirinha de olhos azuis que tanto amo e me preenche o coracao!

"A esperanca e sempre a ultima a morrer!"
Um beijo enorme...(mais um...)
De catarina a 12 de Agosto de 2008 às 18:27
Amiga, tenho seguido a historia da C. mas tenho ido ao blogue e nao há novidades mas... pelo que escreves aqui, elas não sao boas :( Lamento muito . Dá um beijo muito grande a ela e desejo muita força nesta hora...
Beijo grande para ti tb amiga ...
De Visitante a 12 de Agosto de 2008 às 20:14
Limito-me a marca presença com o meu silêncio...

Beijinho
Visitante
De Visitante a 12 de Agosto de 2008 às 20:14
... a marcar*
De Anónimo a 12 de Agosto de 2008 às 22:41
podes crer minha amiga a vida não é justa, hoje sinto uma revolta do tamanho do mundo.
Ao ver a L hoje , passei-me e revoltei-me com esta vida , umas pessoas que lutam tanto e outras que nao merecem as crianças que tem.
É realmente mais um dia muito tristre nas nossas vidas e sem poderes para tirar mais uma vez esta dor da nossa amiga.

mil bjos nossos de dor

lu
De Olinda a 12 de Agosto de 2008 às 23:59
Estou sem palavras, como é possivel acontecer coisas destas? Ninguem merece. Beijinho muito grande para a L, força amiga, sabes que podes contar conosco, se precisares de alguma coisa avisa.
Beijinho
De Maria de Paiva Ramalho a 13 de Agosto de 2008 às 09:27
Queridas,
Pelo que li e percebi houve alguém que entrou outra vez na "escuridão", lamento do fundo do coração e que Deus os ajude.
E agora só para vos dar mais alento, força e motivação, esta madrugada recebi um telefonema de uma amiga que tentava engravidar, mais ou menos há 10 anos e conseguiu numa clinica em Madrid. Essa também carregou uma grande cruz, grande mesmo. Foram 14 abortos e uma gravidez de 36 semanas que infelizmente e depois de pensarmos que tudo estava a correr às mil maravilhas, correu da pior maneira. Pois é, e depois de ter passado pelas agonias que passou, a esta hora já cá tem 3 meninas, uma com 1,400kg, outra com 1,500kg e outra com 2,000kg (enormes para gémeas) e todas elas super saudáveis. Como vêem, é sempre possível.
Cá está mais uma abençoada.
E para vocês, se precisarem de alguma coisa é só dizerem. Podem contar comigo.

Susana minha querida, não desisita, quando se perguntar se vale a pena, vale, vale muito a pena, lute até ficar sem forças, sabe porquê? Porque cada tacho tem uma tampa e a sua tampa anda por aí à espera de a encontrar. Por ter acontecido aos outros, não quer dizer que nos aconteça também. Não desista, é só uma questão de tempo. Tem que acreditar que vai conseguir. A parte psíquica tem muito poder na parte física. Todos os dias digam para vocês mesmas: "Vou ter o meu bébé"
Um beijo a todas
De sonhoterumfilho a 13 de Agosto de 2008 às 09:59
Maria, obrigada pela força, de coração. É importante a partilha destes testemunhos, em alturas em que começamos a desacreditar. Vou erguer-me, sim, como sempre fiz, mas estes dias têm sido muito difíceis, quando me lembro que tenho amigas a perderem os seus bebes.
Um grande bj para ti e volta sempre
Susana

Comentar post

Lilypie Angel and Memorial tickers Lilypie Second Birthday tickers

.links