.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.favorito

. Felicidade perdida (3)...

. Emocionada

. A Marta nasceu!

. Às minhas filhas

. O 20º Tratamento

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Um resumo da minha luta (...

. Aqui ficam os links da en...

. Felicidade perdida (4)...

.posts recentes

. FIM

. A Festa de aniversário

. 2 anos

. 7 anos

. E aos 22 meses...

. 23 Anos

. Cusco!!!!!!!!!!!

. 21 meses

. Alguns dias...

. Mais progressos...

.arquivos

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds

Segunda-feira, 25 de Julho de 2011

Às minhas filhas

Foi quase há 21 anos que a mãe e o pai oficializaram um amor que durava há 5 anos e que nunca pensamos que se viesse a revelar tão resistente.

 

Começamos a procurar por vós desde esse dia numa constante ansiedade, mas em cada mês que passava eramos confrontados com mais uma desilusão.

No fundo sabiamos que vós, nossas filhas, se encontravam algures e que tinhamos que continuar a tentar encontrar-vos, custá-se o que custá-se.

 

Percebemos que encontrar-vos não era assim tão fácil, e tivemos que percorrer o País em busca de especialistas e respostas para sabermos como chegarmos até vós.

 

Foram anos duros, muitos anos...cerca de 16 anos de sofrimento...de uma tortura emocional, fisica e financeira para podermos finalmente chegarmos a vós nossas filhas, Beatriz e Leonor. 

 

A felicidade tinha chegado e andavamos nas nuvens ao carregar-vos no meu ventre, mas quis o destino que durasse unicamente 22 semanas...22 semanas que ditaram o fim da felicidade, mas não do amor que existe cá dentro do nosso coração...um amor que é infinito.

 

Leonor e Beatriz minhas filhas, jamais alguém ocupará o vosso lugar nos corações dos vossos pais. Quis o destino que vocês não estivessem conosco fisicamente, mas cada vez que olho as estrelas, eu vejo-vos lá bem no meio delas, sei que vocês nos acompanham todos os dias a todos os minutos.

 

Uns mêses depois decidimos que tinha chegado o momento de dar-vos um mano ou uma mana.

E foram mais 4 anos de luta constante, mas agora bem mais dolorosa porque não achavamos justo estarmos a passar por tudo novamente.

No fundo sabiamos que se não tentassemos a vossa mana não estaria aqui, e a única coisa que ainda nos movia era a esperança.

 

Aos 41 anos da mãe, depois de quase 21 anos de união dos papás, eis que soubemos que a mana Marta estava a caminho.

Os pais estavam cheios de medo, felizes, muito felizes, mas cheios de medo que alguma coisa não estivesse bem contigo filha.

Mas tu Martinha, revelaste-te forte como os papás e fizeste-nos crer que tudo ia correr bem e que este sonho se ia tornar bem real.

 

Estás aqui, dentro da barriga da mãe, a dares os teus pontapés como que a dizeres "obrigada por nunca terem desistido de mim", e os papás estão delirados contigo e a imaginar-te como serás, como te vais portar, como vais crescer...Tens 2 manas a olhar por ti, e quando nasceres a mãe vai colocar-te à noite a vê-las lá bem no alto, no meio de tantas outras estrelinhas.

 

Amamo-vos tanto filhas, cada uma terá sempre o seu lugar reservado nos nossos corações. Obrigada às 3 por me terem dado o previlégio da maternidade e por me terem permitido sentir este amor sem fim.

 

Susana

 

publicado por sonhoterumfilho às 09:14
link do post | comentar | favorito
32 comentários:
De Praia a 25 de Julho de 2011 às 11:31
Lindo amiga. Uma história de uma batalha bem dura com um final feliz para muito em breve.
:-)))
Beijo enorme. És lindaaaaaaaaaa
De catarinamn a 25 de Julho de 2011 às 12:41
Susana, emocionei-me ao ler as tuas palavras.
A vossa persistencia e o vosso amor está a vencer e a Marta logo logo estará juntinho aos dois para vos retribuir toda a vossa força.
De susanam a 25 de Julho de 2011 às 13:15

daqui a nada tens a MArta no teu colo

beijinhos
Susana
De Crydolphin a 25 de Julho de 2011 às 13:26
Amiga, fizeste-me chorar... tenho a certeza que a Marta vai ter muito orgulho na familia que tem e vai ser muito feliz. Beijocas linda, mereces toda a felicidade e mais alguma :)
De Inês a 25 de Julho de 2011 às 13:30
Fantastico, fiquei mto comovida. A Marta veio iluminar as vossas vidas, mas as manas estarão smp nos vossos corações.

Felicidades, aproveite bem esse estado de graça, que é simplesmente unico e memoravel.

Inês
De Anónimo a 25 de Julho de 2011 às 13:54
Nossa que lindo, fiquei emocionada com sua história... parabéns pela luta...

beijos

http://rielinegravidos.blogspot.com/
De Paula Santos a 25 de Julho de 2011 às 14:11
E com as lágrimas a correr pela minha cara, desejo-te toda a felicidade do mundo junto do teu marido e da tua princesinha que logo logo estará nos teus braços.
Bjinhos
De celina costa a 25 de Julho de 2011 às 15:31
Vós mereceis tudo de bom.
Beijos
De Iola Braz a 25 de Julho de 2011 às 15:42
Susana,

Ainda me correm as lagrimas pela cara, as tuas palavras foram lindas, e tenho a certeza que a Martinha vai ter um orgulho muito grande por ter a mãe que tem!!! Tenho a certeza que ainda vou rir ao ler um post sobre as peripécias da martinha e vou-me lembrar deste, quero desejar te toda a sorte do mundo, e que a Martinha chegue linda e saudável para vos alegrar a vida!! Beijos do tamanho do mundo, a ti, à Martinha e às duas estrelinhas que estão com toda a certeza a torcer pela irmã!!!
De bolinha de sabão a 25 de Julho de 2011 às 15:53
O amor é infinito...
Com esperança sempre*
De Ana Rodrigues a 25 de Julho de 2011 às 17:15
Olá, tenho acompanhado o seu blog dia após dia, semana após semana, mas nunca tive coragem para poder dizer-lhe algo, mas hoje ao ler esta sua história, chorei, chorei muito, mas de alegria, ao ver a sua força, coragem e de nunca tere desistido, é um exemplo para todas nós, rezo por vocês, para que sejam muito felizes junto das vossas meninas.
Obrigado por partilharem a vossa história connosco, Bem-Hajam, tudo de bom para vocês, muitas felicidades :).
Espero que não leve a mal eu ser sua seguidora, sem me prenunciar muitas vezes, mas saiba que estou sempre aqui a torcer por vocês, SEMPRE.
Mil beijos em vossos <3<3

Comentar post

Lilypie Angel and Memorial tickers Lilypie Second Birthday tickers

.links